O que mais vemos por aí é militante disfarçado de jornalista – Jovem Pan

Por Rodrigo Constantino | Gazeta do Povo

Comentário de hoje no Jornal da Manhã:

A imprensa tem, em geral, má vontade com Bolsonaro, faz mais torcida do que análise independente, e demonstra claro viés ideológico “progressista”. Isso não é por conta de uma conspiração dos proprietários, e sim por um viés dos jornalistas mesmo, como Bernie Goldberg já apontava no caso americano décadas atrás, em seu imperdível livro Bias.

Muito do avanço do bolsonarismo depende desse ataque constante à imprensa, que seria produtora de Fake News e nada mais. É o mesmo fenômeno do Trump aqui nos Estados Unidos. E como há boa dose de verdade na denúncia, ela cola: nada que vem da “extrema-imprensa” presta, e por isso precisamos de fontes alternativas.

Entra em cena, então, a milícia virtual bolsonarista, como se fosse essa alternativa, mas apenas fazendo torcida com sinal trocado, ou seja, bajulando seu


Continue lendo no Blog do Rodrigo Constantino.