Mentes inovadoras versus mentes corporativistas

Por Rodrigo Constantino

Por Roberto Rachewsky, publicado pelo Instituto Liberal

Enquanto os inovadores, aqueles que criam valor para a sociedade no intuito de criarem valor para si, nos surpreendem com coisas geniais que brotam das suas mentes, os corporativistas, com medo da tecnologia e da competição que aprimora métodos e resultados, reduzindo custos e sofrimentos, tentam se agarrar ao atraso para conservarem a sociedade num passado que já foi superado.

Impedir que o desenvolvimento tecnológico invada seus mercados é desejo dessa gente incapaz de investir no próprio aprimoramento, seja por pura preguiça ou por mera incompetência. Essa legítima vanguarda do atraso sequer sente vergonha ao recorrer ao governo para impor leis ou normas supralegais para alcançar seus intentos.

Tenho visto dezenas de médicos, por exemplo, reclamando dos avanços da telemedicina, certamente algo que irá mudar paradigmas e atropelará como um rolo compressor os que não buscarem atualização técnica


Continue lendo no Blog do Rodrigo Constantino.