João Cabral de Melo Neto. Poeta e diplomata

João Cabral de Mello Neto gostava de dizer: – A diplomacia me fez sair de Pernambuco, mas a poesia jamais me tirou de Pernambuco. Tinha razões para isso. Deixou Recife, onde nasceu, logo após completar 20 anos e foi para o Rio. Entrou na carreira de diplomata, no Itamarati. Correu o mundo, representando o Brasil […]

Veja mais de Orlando Brito

Continue lendo no Os Divergentes.