PSB articula nome de centro-esquerda para a presidência da Câmara

Segundo o Estadão, o PSB tomou a decisão de não apoiar Rodrigo Maia. O partido comunicou que vai procurar os aliados do bloco, formado com PDT e PCdoB, para fechar um nome de centro ou centro-esquerda, e tentar costurar também apoios de outros partidos insatisfeitos com a negociação entre Rodrigo Maia e o governo Bolsonaro.

Uma articulação envolvendo PSB, PDT, PCdoB, mais alguns partidos de centro, como MDB, PP e PTB, teria 150 votos, num total de 513.

O PT também deve ser ouvido.

O post PSB articula nome de centro-esquerda para a presidência da Câmara apareceu primeiro em O Cafezinho.


Continue lendo no O Cafezinho.