E agora, Vasconcelos?

Senador Vasconcelos é um bairro tão pequeno e discreto da Zona Oeste do Rio de Janeiro, que até moradores das vizinhanças só ligam o nome à estação do trem do ramal de Santa Cruz que fica entre as paradas de Santíssimo e de Campo Grande, a 51 km do Centro do Rio. O minúsculo bairro, de cerca de 30 mil habitantes, ganhou destaque no segundo turno da eleição por ter dado a maior votação proporcional (75,41%) ao presidente eleito Jair Bolsonaro na capital fluminense.

Há até quem duvide que o bairro exista. No blog “Cronistas suburbanos”, há um divertido texto do jornalista Allan Duffes sobre o desconhecimento geral em torno de Senador Vasconcelos, no qual ele assegura que o bairro existe e tem uma importante função: sem ele, o ramal de Santa Cruz teria uma estação a menos. O bairro vive sob a sombra de Campo Grande, com

Continue lendo na Revista Piauí.