Ritzel, Ritz, Wilten… Confirma

“Eu ouvi falar sobre ele no domingo, na fila de votação”, disse Maicon Jonathan, de 21 anos, sobre seu voto em Wilson Witzel, candidato ao governo do estado do Rio de Janeiro pelo Partido Social Cristão, o PSC. Quando saiu para votar no dia 7 de outubro, Jonathan não tinha um nome para governador e nem estava disposto a votar nos veteranos que disputavam o cargo e que, segundo o rapaz, eram quase todos envolvidos em denúncias de corrupção.

Conversando com outros eleitores na longa fila que se formou em sua seção eleitoral, Jonathan, desempregado, ouviu o nome do tal “juiz federal”, novato no cenário político e que não aparecia em denúncias de corrupção. Acreditou ter encontrado o que procurava.

Na véspera da votação, dia 6 de outubro, a última pesquisa Ibope mostrava Eduardo Paes na liderança com 32% de intenção de votos e Romário com 20%. Witzel

Continue lendo na Revista Piauí.