Bolsonaro precisa condenar agressões e controlar seus eleitores

Há algo em comum em todos os casos recentes de agressões físicas após o primeiro turno das eleições: todos os suspeitos são apoiadores do candidato do PSL, Jair Bolsonaro. Num deles, houve a morte de um capoeirista na Bahia que votou no PT.

É importante que a polícia investigue e reprima e que a Justiça puna. As autoridades públicas e nós, jornalistas, temos de ser muito firmes na condenaçãoo veemente da violência como arma de luta política.

Bolsonaro é um candidato antidemocrático. Tem histórico de declarações autoritárias e preconceituosas. Ele precisa fazer uma condenação pública muito forte para conter o ânimo de eleitores violentos. É um erro naturalizar o discurso de ódio. O mestre de capoeira Romulado Rosário da Costa está morto. Um moça em Porto Alegre tem a marca de uma suástica feita a faca em seu corpo. Isso é ódio político. Agir com violência é uma ação típica de

Continue lendo no Blog do Kennedy.