Munição de Bolsonaro no 2º turno virá de Lula

Embalado pelo crescimento no Datafolha e no Ibope, Jair Bolsonaro já prepara o roteiro para a fase final da eleição. Refere-se ao segundo turno no condicional. “Se houver…” , ele passou a dizer. Celebra o fato de que cada candidato terá o mesmo tempo no horário eleitoral. Um dos aliados do capitão disse ao blog que parte do roteiro a ser levado ao ar por Bolsonaro na TV e no rádio foi escrito por Lula. “Usaremos munição fornecida pelo inimigo”, ironizou.

Enquanto Fernando Haddad classifica seu padrinho como “perseguido político”, Bolsonaro recordará que o mensalão e o petrolão nasceram na administração de Lula. Como contraponto ao slogan do PT, que promete um “Brasil feliz de novo”, Bolsonaro jogará no colo de Haddad algo que o PT mantém no armário: a ruína econômica de Dilma Rousseff, a “gerentona” de Lula.

Na fase do mano a mano, o comitê de Bolsonaro tratará Haddad

Continue lendo no Blog do Josias.