Juliana Cardoso: Covas aumenta calvário dos pacientes; além de filas intermináveis, está mais difícil acesso a especialistas e exames

UBS Jardim Tietê I, em São Mateus, Zona Leste da capital. Foto: Mandato de Juliana Cardoso

Pacientes enfrentam filas intermináveis na saúde

Gestão Bruno Covas cria protocolo que dificulta pedidos de exames

por Juliana Cardoso*

Pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) das regiões do Itaim Paulista, São Mateus e de Guaianases, na zona leste da cidade, levam em torno de seis meses para conseguir agendar uma consulta com médicos especialistas na rede municipal.

Esse é o tempo médio de espera registrado no Boletim CEinfo, divulgado em junho pela Secretaria Municipal de Saúde. Os dados são relativos aos atendimentos prestados durante o ano passado.

No Itaim Paulista, o paciente esperou em média 193 dias para conseguir passar por especialista, em São Mateus 171 dias, enquanto em Guaianases foram 146 dias. O prazo padrão na cidade foi de 110 dias.

Como se não bastasse esse sofrimento com a longa espera,

Continue lendo no Vi o Mundo.