Lula sobe tom com STF; MDB não bota fé em Meirelles

Lá vai mais uma série de notas sobre os comentários de hoje no “Jornal da CBN – 2ª Edição”:

*

Caneta pesada

A sentença de Marcelo Bretas para Eike Batista foi muita severa. O juiz federal do Rio tem sido mais rigoroso do que o colega Sergio Moro. O empresário foi condenado a 30 anos no âmbito da Operação Eficiência, filhote da Lava Jato no Rio de Janeiro.

*

Não botam fé

Se depender de Romero Jucá, presidente do MDB, e de Eliseu Padilha, ministro da Casa Civil, o sonho presidencial de Henrique Meirelles poderá naufragar em agosto. Jucá diz que a prioridade do partido serão as eleições para deputados e senadores. Padilha aventou hipótese de aliança.

*

Poder da grana

É um ruim para a democracia que um candidato rico possa financiar completamente a sua campanha, como ocorre no caso de Henrique Meirelles. Isso cria uma vantagem em relação

Continue lendo no Blog do Kennedy.