Nem Copa nem eleições: nada é capaz de despertar o interesse dos brasileiros

“O Brasil está embalsamado” (sociólogo Paulo Delgado, ex-deputado federal do PT-MG).

***

A apenas nove dias do início da Copa do Mundo e a quatro meses das eleições gerais, nada parece despertar o interesse dos brasileiros.

Nas ruas, nos carros, nas casas não há sinais de estarmos tão próximos destes grandes eventos que em outras épocas mobilizavam a população.

Mais preocupados com a própria sobrevivência, os torcedores da pátria de chuteiras desta vez não estão se enfeitando para acompanhar os jogos da seleção.

Se nem o futebol é capaz de tirar o país da pasmaceira generalizada, a campanha eleitoral muito menos.

Mais da metade da população ainda não sabe em quem votar e o candidato “Ninguém” continua liderando as pesquisas sem Lula.

Só o suspense em torno do dedinho do pé direito de Neymar alimenta o noticiário da seleção brasileira.

Com apenas três entre os 23 convocados atuando em campos brasileiros,

Continue lendo no Balaio do Kotscho.