O Caos de Temer e o futuro dos patos amarelos

Muita gente se pergunta: onde foram parar os patos amarelos do golpe de 2016? Outros tendem a ver os caminhoneiros que param o Brasil como parte do movimento patolino. Estariam arrependidos do que ajudaram a fazer com o país?

Sobre o tema, tenho dito o seguinte (com base em pesquisas, dados, e também com base em o que ouço nas ruas):

– engana-se quem acha que os patos estão “envergonhados”, ou que farão um movimento de sensatez, de volta ao “centro”, ajudando a reconstruir o que Temer/PSDB transformaram em terra arrasada;

– a tendência deles é achar que o diagnóstico da época da derrubada de Dilma estava certo (“país socialista, estado ladrão, o que vale é a meritocracia, privatiza tudo, porrada e bomba em esquerdista, fora PT, morte aos sindicatos, isso aqui não é a Venezuela”) e que Temer/PSDB foram e são incapazes de fazer o que precisaria ter sido

Continue lendo no Escrevinhador.