É errado comemorar a morte de um marginal que aponta arma carregada para crianças?

Por Rodrigo Constantino

Que o Brasil é um país insano nós sabemos. Debate-se a correção ou não da reação de uma policial de folga que protegeu crianças e atirou num marginal armado durante a tentativa de assalto. Coisa de louco mesmo! Agora, há outro debate mais delicado, legítimo, que surge nesses episódios: deve a população de bem comemorar a morte desses bandidos?

Não falo, claro, de comemorar o impedimento do crime e a proteção da vida das potenciais vítimas. Isso é óbvio, ao menos para tod… Leia mais →


Continue lendo no Blog do Rodrigo Constantino.