Em Porto Alegre, vem aí o julgamento do ano

Será amanhã o julgamento que definirá as eleições de 2018. É quando três desembargadores da 8ª Turma do TRF-4 avaliarão a sentença do juiz Sérgio Moro, que condenou o ex-presidente Lula a 9 anos e seis meses por receber como propina da OAS um tríplex no Guarujá, balneário paulista. Uma derrota por 3 a 0 ou 2 a 1 faz diferença: mesmo condenado, se a decisão não for unânime, há mais possibilidades de recursos. Ao fim da decisão de segunda instância, segundo a Lei da Ficha Limpa, estaria…


Continue lendo no Canal Meio.