Temer explica a Maia “piscadinha” para Alckmin

O presidente Michel Temer telefonou nesta manhã para o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) a fim de jogar panos quentes em relação à entrevista da jornalista Eliane Cantanhêde com o peemedebista, publicada hoje pelo jornal “O Estado de S. Paulo”.

Na entrevista, com foto na primeira página com Temer dando piscadinha (trabalho do André Dusek), houve um aceno para o governador Geraldo Alckmin. O peemedebista disse que o governador paulista, provável candidato do PSDB à Presidência, transmite “segurança e serenidade”. O presidente afirmou que o eleitorado votará em outubro em busca desses atributos.

Ao mesmo tempo, Temer disse que seria melhor para ele que Meirelles ficasse no Ministério da Fazenda e que, no seu entender, a movimentação política de Maia teria mais foco na disputa para se reeleger deputado federal do que para conquistar o Palácio do Planalto.

Temer telefonou para Maia hoje a fim de deixar claro que

Continue lendo no Blog do Kennedy.