Adeus 2017

2017, ano difuso nos três poderes. Foto Orlando Brito

Como costuma-se dizer, esse que agora termina foi “um ano daqueles”. 2017 foi repleto de fatos os mais surpreendentes, especialmente na seara do poder. E….uma breve retrospectiva……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………

Câmara arquiva denúncia de Janot contra Temer

Michel escapou de três possibilidades de perder a presidência da República. A primeira, em junho, quando o Tribunal Superior Eleitoral, decidiu que somente a senhora Rousseff perdia o mandato no processo contra a chapa Dilma-Temer. Depois, em 2 de agosto e 25 de outubro, quando a Câmara dos Deputados rejeitou os dois pedidos de seu afastamento, feitos pelo então Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot.

Janeiro de 2017 – A justiça de luto, com a morte de Teori Zavascki

19.01.2017: Justiça de luto pela morte do ministro Teori

Logo no começo ano de 2017, em 19 de janeiro, o ministro  do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki, de 68 anos

Continue lendo no Os Divergentes.