Dez mil posts. A maratona de fazer um blog

Os números aí de cima não enganam sobre o que foram os dias, desde que, sob minha única responsabilidade, voltou a “circular” este Tijolaço.

Mais de dez mil posts – verdade que um punhado deles de meus parceiros, aos quais sou grato : Miguel do Rosário, Jari da Rocha,  Nilson Lage, Hayle Gadelha, para ficar nos mais constantes – dos quais, até pela quantidade talvez ao menos um punhado preste.

Em quatro anos, em qualquer conta, não é pouco.

Gostaria de ter escrito menos e melhor, mas desde o berço, este tem sido um local de combate, não de de diletantismo.

Também isso lamento, gostaria sinceramente que vivêssemos tempos de paz. não de uma guerra pela sobrevivência do Brasil como nação e, de tempos para cá, uma luta para preserva o convívio civilizado entre os brasileiros.

Gostaria de ter podido falar mais da vida, dos sentimentos, dos amores que nos


Continue lendo no Tijolaço.