Peças se arrumam para nova denúncia contra Temer

O empresário Joesley Batista tem até hoje para entregar novos áudios de conversas com políticos à Procuradoria-Geral da República. A cobrança, de acordo com Mônica Bergamo, veio da Polícia Federal que descobriu, durante a perícia do gravador, que alguns arquivos haviam sido apagados. As registros parecem envolver, entre outros, o deputado do PT Gabriel Guimarães e a irmã do doleiro Lúcio Funaro. Segundo o Painel, a defesa do presidente Michel Temer vai acusar Batista de ter tentado omitir prova…


Continue lendo no Canal Meio.