Marco Aurélio Garcia: o apoio silencioso a Lula, e um cenário possível para 2018…

por Rodrigo Vianna

Dilma e Lula estavam lá.

Haddad, Suplicy e outras lideranças do PT também estavam.

Jovens acadêmicos, que Marco Aurélio Garcia ajudou a formar e hoje ocupam cátedras nas universidades Brasil afora, marcaram presença.

Militantes emocionados, professores, jornalistas…

Marco Aurélio era um bem-humorado professor e militante. Frasista brilhante. Culto, sem ser pernóstico.

O texto mais bonito sobre ele talvez tenha sido escrito por Gilberto Maringoni – hoje no PSOL (clique aqui para ler).

O discurso mais emocionante, claro, veio de Lula – clique aqui para ver: https://www.facebook.com/Lula/videos/1381450791923917/

Mas a imagem mais marcante do velório, em São Paulo, veio de um grupo que aos poucos se aglomerou numa escada, a poucos metros do caixão onde o corpo era velado.

Funcionários da limpeza e da manutenção, terceirizados pela Assembleia Legislativa de São Paulo, ouviram falar que Lula tinha chegado para velar o amigo. Com respeito, sem barulho, de forma humilde, fizeram ver

Continue lendo no Escrevinhador.