Gilmar e Moro afrontam a democracia e o golpe avança; Lula precisa ir a uma embaixada e denunciar o golpe jurídico-midiático

Lula faria bem se entrasse numa embaixada estrangeira, e denunciasse o consórcio midiático-conservador que tenta tomar de assalto o Estado brasileiro. Precisamos de símbolos. E essa – sim – seria uma imagem simbólica desmoralizadora para os golpistas! Lula numa embaixada seria o símbolo de que o Brasil já não é mais uma democracia plena. 

Gilmar e Moro promovem baderna jurídica: estão a serviço de um golpe de Estado que precisa ser denunciado no exterior

por Rodrigo Vianna

Foi estranho ir para a Paulista, e não ver ninguém gritando: “morre, fulano”; “fechem o partido XX”; “deem um tiro na cabeça de YY”. Foi isso que eu havia visto nas manifestações dos chamados “coxinhas”, desde março de 2015.

Nesse dia 18 de março de 2016, ao contrário, não houve ódio. Na rua, mostrou-se a firme disposição de defender a Democracia e as conquistas dos últimos 13 anos. Houve também a denúncia da ação de

Continue lendo no Escrevinhador.